segunda-feira, 28 de setembro de 2009

Curso de Marketing digital - videos

Na última quinta-feira participei de um curso sobre marketing digital, oferecido pelo empresa Internet Innovation.

A primeira parte do curso foi bem interessante: o professor Sthefan Beranger apresentou conceitos de marketing, web e cases.

Dentre o material apresentado, doi vídeos chamaram muito a minha atenção: um sobre o hipertexto e o desenvolvimento da web, e o outro sobre uma campanha do Wii para youtube.

Valem muito a pena serem vistos:




segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Testes de galerias de imagens: goodgadgets x slide.com

Em meu último post comentei sobre o site goodwidgets - para criação de galerias. Continuando a pesquisa acabei esbarrando em outro site, o www.slide.com.

E para minha boa surpresa, pude logo perceber que ele possui muito mais recursos. O processo é similar ao do goodwidgets: é preciso se logar (criar uma conta) - mas não se preocupe pois o processo é bem rápido.

Depois chega o momento de escolher o tipo de galeria. Há muitos modelos e também muitas opções de customização: estilos de animação, skins, música, efeitos (como pb ou sépia, por exemplo), tamanho e privacidade.

O upload de imagens também é feito de maneira bem rápida, seja a partir dos arquivos do seu micro, ou de outras redes como flickr, myspace, photobucket, facebook, ou ainda inserindo o url da imagem. Neste ponto o www.slide.com também toma a dianteira já que oferece um número maior de aceleradores para o upload das imagens.

Outro diferencial é a possibilidade de apresentar legendas, alterar ou misturar a ordem das imagens, e ainda exibir o nome do slideshow e os créditos, que podem ser inseridos uma etapa antes de compartilhar o slideshow. Neste momento também é possível acrescentar efeitos para o final.

O compartilhamento também é similar ao do goodwidgets.com: permitindo o envio por email, ou fornecendo o código para inserção em sites, blogs e outras redes. Não é preciso dizer que assim como no momento do upload, o slide.com oferece uma grande lista com redes para que você possa compartilhar a apresentação de forma rápida. A lista conta com twitter, facebook, blogger, tagged, myspace, hi5 e pasmem, até mesmo orkut. A desvantagem é que para todos eles a incllusão do código é manual.

Alguns outros prós e contras: o site está todo em português, o que pode facilitar bastante o processo (vale lembrar que o goodwidgets que está todo em inglês). A meu ver o único ponto em que o site americano "ganha" do slide.com é no quesito "tipos de apresentações de slides". Isto porque se você comparar os modelos de um e de outro perceberá que os do site goowidgets são apresentações mais neutras, modernas e, porque não, elegantes. Os efeitos de animação são sutis e não tiram a atenção das imagens. Já os modelos do site slide.com oferecem transições em forma de bolhas, coração, curvas ou efeito derretido. Honestamente achei apenas um dos modelos mais "usável".

Enfim, uma amostra da galeria criada no slide.com:

sábado, 19 de setembro de 2009

Widgets - slides e gadges para galerias

Descobri recentemente dois links interessantes para quem gosta de slideshows e galerias de imagens. São bem úteis para usar em blogs por exemplo, e neste post explicarei como funciona um deles: o goodwidgets.

http://www.goodwidgets.com/

É bem bacana e simples. Você cria uma continha (para que suas galerias fiquem salvas) e escolhe um tipo de galeria (ou widget). São cerca de oito modelos para escolher,com modelos bem variados.

A segunda etapa é fazer o upload de imagens - que podem ser feitos a partir do seu micro, ou ainda escolhidas diretamente do flickr, photobucket ( há outras opções que não são tão conhecidas pelos brasileiros...).

Depois é hora de configurar a galeria definindo o nome da galeria, o tamanho, cor de fundo e cor de destaque.

O último passo é a opção share, em que é possível obter o código da widget para inserir em sites ou blogs manualmente, enviar a galeria por email, ou ainda é possível inserir automaticamente no blogger, facebook, orkut, myspace, wordpress e outros.

O único porém é que até agora não consegui descobrir se é possível inserir legenda nas fotos... se alguém aí souber, indique, ok?

Segue uma amostra, para matar a curiosidade:

terça-feira, 15 de setembro de 2009

Indicação de vídeo

Este vídeo foi indicado em um grupo do qual participo, juntamente com uma série de ataques agressivos aos "profissionais amadores". Principalemente aqueles que tendem a cobrar muito barato, ou fazer favores...

Como profissional autônoma que sou, passei e confesso, ainda passo por algumas dificuldades no momento de dar valore$$$$ ao meu trabalho. Quando vi o email e suas respostas igualmente agrassivas, fiquei muito irritada e me senti praticamente atacada...mas então, eu precisaria ver tal vídeo, que gerou tanta balbúrdia.

E vi. E bati palmas. E aqui, indico a TODOS os profissionais autônomos. De uma forma clara, sincera e honesta, eis aqui algo melhor do que qualquer livro de auto-ajuda, marketing, ou finanças.




A única coisa que espero, além de que vocês tenham visto o video, é que Harlan Ellison não venha me cobrar por ter postado o video dele....porque neste caso terei de começar a juntar....

quarta-feira, 9 de setembro de 2009

Vida longa aos blogs

imagem blog: Svilen Milev
http://efffective.com
imagem martelo: Michael w.
Há algumas semanas atrás li no estadão uma longa matéria sobre o fim dos blogs. Confesso que fiquei um pouco incomodada, já que aderi aos blos recentemente. A reportagem comentava como o termo blogueiro tornou-se obsoleto já que além de todos postarem hoje em dia, o blog tornou-se parte de algo maior e do qual não é necessariamente a engrenagem principal. Mas isso já é outro assunto que poderá ser comentado mais tarde...

Algo que realmente me irrita é essa mania que as pessoas têm de decretarem o fim das coisas... o fim da pintura, o fim da televisão (vi uma matéria na última info sobre se o you tube seria a morte da tv...), o fim do rádio. Acho isso uma falta de assunto interessante para se pensar! E de qualquer forma não concordo com o mote principal da materia do estadão.

Uma coisa engraçada é que em geral na rede, quando algo se populariza, os usuários mais antigos ou puristas, geralmente se incomodam com isso, e vários, como mostra a reportagem do inicio do post, acabam rejeitando a ferramente simplesmente porque ela se democratizou. Minha teoria é de para tudo na vida existe uma espécie de “seleção natural”, ou seja, uma grande parte daqueles que resolveram criar seus blogs por puro modismo, acabarão desistindo em alguma parte do caminho.

Para mim, uma das principais funções de um blog, não são os textos descompromissados ou críticos, ou sobre o dia-a-dia. Na verdade acho que cerca de 40% do que eu aprendi eu devo a blogs. Lógico que nem tudo funciona sempre, porém na maioria das vezes os tutoriais podem e dão muita ajuda. E os que mais gosto são aqueles em que a pessoa conta a solução para um problema que conseguiu superar e para que outros não passassem pelo mesmo, ela fez seu post. Simples assim. Ajuda honesta e gratuíta. Envolve apenas paciência para encontrar uma informação que já está lá.



Um dos tutoriais que me ajudou muito ultimamente foi este aqui: http://brunotorres.net/sobre-feeds-rss-atom#arquivos. É sobre como fazer para inserir feeds em seu blog. Traz informações de uma forma simples e bacana além de explicar direitinho até mesmo sobre o que é um feed. Como diria uma querida amiga, “eu super recomendo!”

E tutoriais você pode encontrar sobre qualquer assunto. Desde “porque minha receita deu errado”, até assuntos sobre moda, cultura, ou os que eu mais busco: programação, artes gráficas, marketing e web e ainda os reviws de produtos. A multiplicação dos blogs exige sim um filtro para separar o joio do trigo, mas uma vez que você encontre aquele blog com o qual se identifica, acaba virando fã ( daí o surgimento dos feeds, que facilitam a leitura dos blogs). Porque então pensar no fim de algo que é praticamente um “serviço de utilidade pública”? Não. Gastemos o tempo com post que valham a pena! E vida longa aos blogs.